Projeto inclui pessoas com deficiência por meio do Skate

Iniciativa intitulada de SkateAnima será realizada pela primeira vez em Urussanga, no dia 30 de novembro, a partir das 10h, no Ginásio Centenário

Foto: Comunicação Prefeitura de Urussanga

Já imaginou possibilitar a vivência do skate para as pessoas com deficiência física, auditiva, visual, intelectual ou múltipla? É esta a proposta do Projeto SkateAnima que será realizado pela primeira vez em Urussanga, no dia 30 de novembro, a partir das 10h, no Ginásio Centenário. A iniciativa da marca/loja Rock City Inc., realizada em parceria com a Administração Municipal, por meio do Departamento Municipal de Esportes e da Apae do município irá possibilitar uma experiência diferenciada aos alunos da instituição.

“Sabendo que a prática esportiva para a grande maioria das pessoas se inicia na infância, no ambiente familiar, escolar ou social e estabelecendo uma ligação lúdica que favorece não só o desenvolvimento saudável do corpo e das habilidades motoras, procuramos trazer pela primeira vez na nossa região essas atividades para alunos especiais. Estaremos juntos utilizando o Skate, esporte que tanto gostamos como uma forma de inclusão social com os alunos da Apae”, enaltece o proprietário da Rock City Inc., Sandro Zanatta.

O projeto SkateAnima tem como slogan “O Skate Como Evidência Do Potencial Humano”. “O esporte sempre mostrou que não tem limites, que o querer humano é muito maior do que qualquer barreira. Esta ação irá beneficiar muito os alunos da Apae e todos que estiverem presentes,   além de repercutir positivamente para todos os envolvidos. Queremos mostrar o quanto este esporte é saudável e produtivo  para todos os gostos e todas as idades”, garante o presidente da Associação de Skate do Bowl de Urussanga (ABOU), José Antonio Lapolli Rosso.

Para o diretor de esportes de Urussanga, Thiago Mutini, a iniciativa reforça o compromisso com o esporte no município. “É uma forma importante de promover a inclusão de todas as pessoas que irão participar deste projeto. É uma iniciativa nova, uma proposta que valoriza as pessoas e coloca Urussanga mais uma vez de cenário para o esporte de toda a região. Será um evento que ficará marcado na cidade”, enaltece Thiago.

De acordo com a fisioterapeuta da Apae de Urussanga, Jocimara Duarte de Oliveira, o projeto é de grande importância para os alunos da escola. “Este projeto torna acessível a prática do skate adaptado às pessoas com deficiência, promovendo assim, a inclusão social e esportiva, e autonomia destas mesmas pessoas.  Outro aspecto trabalhado é o equilíbrio (que se dá mesmo com a pessoa sentada), desenvolvido através do lúdico, sendo muito importante principalmente quando se trabalha com crianças”, garante.

Sobre a iniciativa:

As primeiras experiências com alunos especiais e o skate iniciou em 2017 em um educandário de Porto Alegre, quando a Spot Skateparks (empresa especializada em construção de pistas de Skate) e parceiros construíram uma pista de skate para cadeirantes. Em seguida veio a ousadia em aplicar esta ação em um Shopping Center. Logo após a união dessas empresas com o Skatista Profissional Ricardo Porva, que pelo fato de ter uma filha cadeirante e que gostava de ver seu pai andar de skate, foi desenvolvido um andador apropriado para as crianças, que foi adquirido pela Spot Skateparks e cedido para uso do Projeto SkateAnima.

Colaboração: Comunicação Prefeitura de Urussanga/ Jornalista Jéssica Pereira