Em parceria com seus Núcleos Femininos, Epagri e Pastoral da Saúde, a Cooperja desenvolve o projeto no Horto de Plantas Bioativas, que está localizado em uma área dentro do Campo Demonstrativo da Cooperativa, em Jacinto Machado. Com este trabalho recebem durante o ano diversas entidades e escolas, que querem conhecer o espaço que já se tornou referência da região.

O espaço tem todo cuidado e carinho das equipes, e é mantido o ano inteiro com limpeza, podas e secagem de chás através de parcerias. Através destas atividades a equipe participa há muitos anos da Feira Saberes e Sabores que acontece no município, realizam o dia de cooperar, roteiros dentro do Campo Agroacelerador, dentre tantas outras atividades.

Agora o horto conta com uma nova parceria da Escola Macário Borda (Escola Jovem de Sombrio), através do Projeto Trilhas Eureka, que trabalha com plantas bioativas. Com matéria prima disponibilizada pela cooperativa, os alunos produzirão duas mil unidades de sabonetes artesanais, para serem distribuídos em toda a rede de supermercados e lojas agropecuárias da Cooperja em homenagem ao dia das mães.

Além de todo apoio da coordenação social da Cooperativa, o trabalho conta com ajuda da professora Grasiele Raupp Neves, da disciplina de química e a professora de biologia, química e física Kátia Furlanetto de Faveri Casagrande. Todas as disciplinas fazem parte da Trilha de Aprofundamento do Novo Ensino Médio, Trilha Eureka: Investigação no Mundo da Ciência.

A Cooperja contou com apoio da instrutora Jana Melo que ministrou as oficinas que ensinaram os alunos na prática a confecção dos sabonetes que possuem essência de mel e oleato de açafrão.

“Sempre buscamos bons parceiros e pensamos em agregar, ir além em nosso trabalho no horto, e estamos apaixonados pela iniciativa desta escola, que vai além dos muros. Aqui estamos agregando o conhecimento e com esta parceira além de darmos um presente que contem muito carinho e dedicação, estamos ensinando adolescentes e jovens a poder ter uma expectativa de renda em seu futuro”, destaca a coordenadora social da Cooperja Elisabete Biz dos Santos Biz.

Ela fala ainda que a ideia é continuar a parceria com a escola com outros produtos oriundos de plantas: como velas e aromatizantes.

Colaboração: Aline Somariva / Assessoria de Imprensa