O prefeito de Morro da Fumaça, Noi Coral (PP), solicitou aos vereadores a autorização para recuperar com urgência o cemitério utilizado pelos moradores de Estação Cocal, que fica em área particular, mas de interesse público. Conforme vistoria dos técnicos da Defesa Civil, o muro de contenção do cemitério corre o risco de desabar.

O presidente da comissão responsável pela manutenção do cemitério, Gilmar da Rosa, conta que o local conta com 250 sócios que contribuem na limpeza e preservação do local. Porém, a comunidade não tem recursos para as obras estruturantes. “Precisamos muito do apoio do poder público. O nosso cemitério é antigo e fica no terreno mais elevado da estrada. Se o muro cair, outras duas capelas podem desabar junto”, comenta.

O prefeito aguarda a autorização dos vereadores para poder solucionar o problema. “A Prefeitura não pode agir sozinha com obras em áreas que não são de sua propriedade. Acredito que os vereadores vão aprovar a nossa solicitação que tem um custo baixo de reparo e vai beneficiar toda a comunidade de Estação Cocal”, finaliza.

Com Informações do Portal DN Sul