Os prefeitos da Associação dos Municípios da Região Carbonífera (Amrec) aprovaram dois ofícios endereçados ao governador eleito, Jorginho Mello (PL), na tarde desta quinta-feira, dia 15, em reunião ordinária. O primeiro pede a reposição do efetivo policial civil e militar e o segundo pede a resolução das cirurgias eletivas.

O presidente da Amrec e prefeito de Forquilhinha, José Claudio Gonçalves, comentou que a cobrança foi feita ao governador Carlos Moisés, mas infelizmente ele não resolveu. “Nem estamos cobrando reforços, estamos cobrando reposição. É falta de consideração do Governo do Estado. Há municípios da região que estão sem delegado. O governador prometeu e não conseguiu. Agora vamos com força e com muita pressão para o governador Jorginho Mello para que resolva essa situação”, declarou.

Sobre as cirurgias eletivas, Gonçalves lembrou que é um problema histórico. Os prefeitos já articulam uma audiência com a futura secretaria de Saúde de Estado, Carmem Zanotto, para tratar sobre o tema. “O problema não é financeiro, é problema de gestão, de cobrança, de organização. Os prestadores querem o file, as cirurgias que dão mais rentabilidade e as que pagam menos vão ficando para trás. Tem que ter um basta e resolver”, diz o prefeito.

Colaboração: Antonio Rozeng / Assessoria de Imprensa