Uma alimentação saudável traz inúmeros benefícios, principalmente para quem pratica algum tipo de esporte. Na corrida, não é diferente. De acordo com a nutricionista Iolanda Lima, da Cardio Runners, as atividades físicas geram certos estresses, como metabólitos e oxidantes. Por isso, a alimentação serve para que o atleta tenha mais energia e, consequentemente, melhor performance durante a corrida. Além disso, uma boa nutrição também serve para que o corredor tenha uma boa recuperação.

De acordo com o proprietário da Cardio Runners, Cláudio Rodrigues, a corrida tem crescido no mundo todo nos últimos 10 anos. Cada vez mais pessoas se interessam pela modalidade. Segundo Iolanda, muitos começam a praticar a corrida sem acompanhamento profissional. “As pessoas começam, geralmente, com aquela reserva energética que já têm. E aí, a partir disso, começam a sentir a necessidade de procurar uma alimentação adequada, específica para aquele momento”, comenta. “Cada alimento vai ser colocado especificamente para aquele momento, seja pré-treino, recuperação ou fortalecimento, então, cada momento tem o seu alimento específico para ser introduzido”, acrescenta.

De acordo com a nutricionista, a alimentação também varia conforme cada corredor e também entre cada tipo de prova. “Cada pessoa tem a sua necessidade. Então, por mais que eu fosse fazer a mesma prova que o Cláudio, de 50 quilômetros, a minha necessidade não vai ser a mesma que a dele. Então, tudo é específico, individualizado, para cada pessoa, para cada necessidade, questão de quilometragem, questão até de sudorese, cada pessoa tem o seu percentual de perda, no caso”, explica Iolanda.

O assunto foi abordado com mais detalhes em entrevista no programa Ponto de Encontro com Cláudio e Iolanda. Ouça na íntegra e saiba mais sobre a importância da alimentação na corrida:

 

Para a corrida, assim como outros esportes, não é necessário realizar dietas restritivas. Conforme Iolanda, já se provou que esse tipo de restrição não funciona. “O que a gente precisa, na verdade, é incluir alimentos que vão ajudar nessa performance, que vão ativar o metabolismo, que vai ajudar a pessoa a fazer essa troca de massa gorda por massa magra, que vai dar energia para o treino, principalmente, para o treino, para a corrida, seja o que for”, comenta. “Existe, na verdade, três pilares que a gente costuma seguir para uma vida mais saudável: atividade física, uma alimentação saudável e sono de qualidade”, complementa a profissional.