Imagine ter a frase que mais caracteriza os urussanguenses registrada em um azulejo, ou a foto com a família e amigos, ou até mesmo sua arte favorita. Isso é possível através do trabalho de Henry Goulart Estevam Comin, proprietários do Atelier Ragazzi. Juntos, os artistas registram a memória e emoção em um azulejo.

Um dos principais trabalhos é o azulejo marcado com a famosa frase: “Ma di que djente que tu é?”. A expressão é a mais ouvida quando se passa em Urussanga, evidenciando a cultura italiana registrada na região. “É uma frase tão emblemática que, dos nossos azulejos com frases em dialeto italiano, eu acho que é o primeiro lugar de vendas”, destaca Henry. A frase é um questionamento feito por moradores da cidade quando querem conhecer uma pessoa: “De que gente tu é?”.

O assunto foi destaque em entrevista no programa Ponto de Encontro com Henry e Estevam, que contaram mais sobre o negócio e a produção. Ouça:

 

O Atelier Ragazzi existe há cerca de um ano e meio. Juntos, os artistas foram testando novas possibilidades até começarem a produzir com o azulejo. “Trabalhar com azulejo não é tão simples assim. A gente olha o resultado com um produto bem feito, bem acabado, mas a gente tem que ir atrás de bons fornecedores, ter uma matéria-prima boa. Nós fazemos muitos testes até chegar nesse resultado”, ressaltam.

São vários tamanhos de azulejo, nos quais as pessoas podem escolher o que desejam. Além disso, é possível adquirir uma moldura para colocar a arte. O azulejo pode ser colocado no local da preferência da pessoa, além de ser possível assentar na parede. Além das artes próprias de Henry, é possível eternizar uma foto no azulejo. Basta que a pessoa envie a imagem em um arquivo com alta qualidade para fazer a impressão. O ateliê também desenvolve a arte em imãs de decoração para geladeira. Saiba mais pelo telefone (48) 3193-0143 e no Instagram @atelier.ragazzi.