A cidade de Urussanga, por meio de representantes na Câmara de Vereadores, continua na busca de alternativas para tentar reduzir os valores da tarifa de energia elétrica praticados o município. Nesta quarta-feira (27), os representantes da Comissão de Energia do Legislativo estiveram na capital de Santa Catarina para encontro com representantes da Celesc. Os urussanguenses foram recebidos pelo Presidente das Centrais Elétricas de Santa Catarina(Celesc), Cleverson Siewert  e pelo Diretor Comercial, Eduardo Cesconeto De Souza.

Os dados referentes aos impactos econômicos causados pelo custo da energia em Urussanga, que teria resultado no fechamento de empresas e diminuição de empregos e da arrecadação fora apresentados, na oportunidade, pelos Vereadores José Carlos José (PP), Elson Roberto Ramos (MDB) e dos Assessores, Júlio Bonetti representando o Vereador Marcos Roberto Silveira (PT), e Andresa Baldessar representante do Vereador Jair Nandi (PSD).

De acordo com as informações repassadas pela assessoria da Câmara de Vereadores foram dsicutidos os preços praticados pela CELESC na venda de energia para as cooperativas e distribuidoras privadas como a concessionária de Urussanga. Também foi conversado sobre a Conta de Desenvolvimento Energético (CDE) que representa 20% do preço pago pelos consumidores de Urussanga e que serve para subsidiar os preços menores cobrados pelas cooperativas. A reunião foi agendada pelo Deputado Estadual Luiz Fernando Cardoso.

Segundo a assessoria da Comissão, a direção da Celesc  se comprometeu em analisar as reivindicações apresentadas pela Comissão de Energia da Câmara e apresentar  medidas conjuntas que vise construir uma agenda positiva com a sociedade para diminuição do preço da energia no município.

A comissão está aguardando o resultado de uma reunião que haverá hoje em Brasília com o Conselho de Consumidores do Município para depois apresentar os resultados e as futuras ações que serão tomadas.

Da Redação

Colaboração: Wilson Adriani / Assessoria Comunicação Câmara Urussanga