O Hospital São José de Criciúma realizou na tarde da última sexta-feira, dia 22, o primeiro transplante de tecido ósseo realizado pelo Sistema Único de Saúde (SUS). Habilitado desde dezembro para a realização do procedimento, a instituição já realizou dois transplantes, sendo que este é o primeiro pelo SUS. A equipe coordenada pelos médicos Dr. Fernando Lupselo, Dr. Mário César Búrigo Filho e Dr. Marcelo Baggio, garantiu uma melhoria na qualidade de vida e na saúde de um paciente de 63 anos que necessitava de uma revisão de prótese no quadril.

“Este paciente já utilizava prótese há 10 anos, no entanto ela soltou e quebrou. Para que pudéssemos colocar uma nova prótese foi necessário o enxerto ósseo. Essa cirurgia irá trazer de volta a possibilidade do paciente caminhar, por exemplo. É um procedimento que irá proporcionar ainda mais bem-estar, saúde e qualidade de vida”, garante o ortopedista, Dr. Fernando Lupselo.

Confira a entrevista realizada no Ponto de Encontro:

 

Para a realização do transplante, o tecido ósseo veio diretamente do Rio de Janeiro, do Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia (INTO).

O Hospital São José foi habilitado pelo Ministério da Saúde, por meio da Portaria PT SAES 514, válida até 07/2024, para realização de Transplante de Tecido Músculo Esquelético. O credenciamento possibilita que a instituição de Criciúma ofereça uma assistência ainda mais específica nos casos de ortopedia e traumatologia, além de ampliar os serviços de Alta Complexidade oferecidos à comunidade.

Saiba mais:

O Hospital São José é a primeira instituição do Sul do Estado autorizada a realizar o Transplante de Tecido Músculo Esquelético e está entre as 12 instituições aptas em Santa Catarina para a realização do procedimento. Além do credenciamento recente para realização de transplantes de Tecido Músculo Esquelético, o Hospital também é habilitado para realizar transplante de córnea e transplante renal.

Colaboração: Jéssica Pereira / Assessoria de Comunicação