Se em 2022 inúmeras instituições do sul catarinense puderam colocar em prática ações para melhorar o dia a dia da comunidade por meio do Fundo Social da Sicredi Sul SC, neste novo ano o cenário deve se repetir. As inscrições para o Fundo 2023 foram abertas nesta segunda-feira, dia 16, e seguem até 31 de março pelo site sicredi.com.br/nacomunidade/fundosocial.

O objetivo do Fundo Social é apoiar iniciativas que promovam impacto positivo nas áreas da educação, esporte, cultura, saúde e social, nas comunidades da área de atuação da Sicredi Sul SC, que compreende os 45 municípios de Imbituba a Passo de Torres. Podem inscrever projetos, empresas e entidades associadas que preencham os requisitos do regulamento. “O Fundo é parte do resultado gerado pela cooperativa e aprovado pelos associados que retorna para a comunidade e promove prosperidade por meio de projetos sociais que fazem a diferença”, explica Aloísio Westrup, presidente da Sicredi Sul SC.

O programa Comando Marconi abordou mais sobre o assunto em entrevista com o presidente Aloísio. Ouça mais:

 

A assessora de programas sociais da cooperativa, Rafaela Trombin Maciel, completa a explicação, ressaltando a importância da leitura atenta do regulamento. “É fundamental que a entidade ou empresa associada esteja por dentro dos requisitos para a inscrição de ações. O regulamento também está no site. Após inscritos, os projetos passam por algumas instâncias de aprovação que definem quais serão contemplados”, ressalta a assessora.

Em 2022, o futebol foi agente social

Exemplo de transformação proporcionada pelo Fundo vem do Instituto Show de Bola de Criciúma, que oferece aulas para 60 crianças de sete a 16 anos em diversos bairros da cidade. O projeto, que iniciou em 2008, esteve na lista dos contemplados de 2022.

Muito mais do que apenas aperfeiçoar as habilidades dos meninos com a bola, conforme explica o presidente do Instituto, Arthur Duarte dos Santos, a iniciativa promove palestras sobre temas relevantes para o desenvolvimento dos participantes e dos familiares. “Não queremos formar jogadores profissionais, mas sim trabalhar a parte social por meio do esporte. Essa foi a primeira vez que nos inscrevemos”, conta.

Com o dinheiro fornecido pela Instituição Financeira Cooperativa, o Instituto Show de Bola adquiriu novos uniformes para serem utilizados nas competições. “Nós sempre participamos de amistosos contra outras escolas de futebol da região. Ver cada um usando as camisetas, bermudas e meias novas foi motivo de muita alegria. Queremos que eles se sintam acolhidos, especiais e nas mesmas condições das outras crianças”, enfatiza Santos.

Em 2023, a Sicredi Sul SC espera transformar ainda mais realidades como essas, cumprindo com isso o seu propósito e a sua missão. “Nossa essência está ligada ao bem-estar coletivo e, a cada ano, mudamos a realidade de centenas de pessoas. Em 2023, pretendemos atingir ainda mais organizações e continuar auxiliando em ações que transformam vidas”, ressalta o presidente Aloísio Westrup.

Comunicação Sicredi