Mais uma pesquisa do Plano de Mobilidade Urbana está disponível para a população de Criciúma. Desta vez, é voltada para os moradores que utilizam bicicleta e a rede cicloviária da cidade. A pesquisa está disponível em um formulário on-line, que pode ser acessado clicando aqui, e segue até o dia 1º de dezembro.

O formulário visa saber a opinião do morador sobre a quantidade de ciclovias, qualidade das ciclovias, o tempo de viagem, sensação de segurança e a avaliação geral do sistema cicloviário do município. A pesquisa está sendo realizada pela Secretaria de Infraestrutura, Planejamento e Mobilidade Urbana, por meio da empresa contratada Consultran.

“O objetivo desse estudo é abordar o morador e visitante de Criciúma que utiliza a bicicleta como um meio para se locomover pela cidade, seja para trabalhar, estudar, fazer compras ou só por lazer, para, no final, podermos propor medidas que visam melhorar a rede cicloviária do município”, frisou o engenheiro civil da empresa Consultran, Rodolfo Koch Wetter. No fim da pesquisa, tem um campo aberto para críticas e sugestões sobre o sistema cicloviário da cidade.

Plano de Mobilidade Urbana

O Plano de Mobilidade Urbana visa realizar um estudo completo de todos os modais da cidade. O estudo conta com pesquisas e levantamentos, análise de dados, elaboração de mapas temáticos e elaboração de planos de ações. As propostas devem abranger planos de ação de curto prazo, para implementação até em 2030, médio prazo, para implementação até 2040 e longo prazo, para 2050.

O plano terá uma ênfase também na malha cicloviária e no escoamento de cargas, além de melhorar a circulação dos moradores nos ambientes urbanos.

Colaboração: Ana De Mattia / Decom