A possibilidade da aquisição de um helicóptero próprio para o Serviço de Atendimento e Resgate Aeromédico do Sul (Sarasul) está sendo estudada pelos prefeitos da região. O presidente da Associação dos Municípios da Região de Laguna (Amurel) e prefeito de Pedras Grandes, Agnaldo Filippi, contou que se reuniu com o presidente da Associação dos Municípios da Região Carbonífera (Amrec), José Cláudio Gonçalves, para tratar sobre o assunto. A intenção é viabilizar o helicóptero junto ao Governo do Estado. Conforme Filippi, o prefeito de Criciúma, Clésio Salvaro, doou um terreno na cidade para a construção da sede do Sarasul.

O Sarasul atende ocorrências de todas as cidades da Amrec, Amurel e da Associação dos Municípios do Extremo Sul Catarinense (Amesc). Atualmente, as três regiões dividem o custo e pagam R$ 350 mil de aluguel para a empresa responsável. “Ela é gerenciada pela Polícia Civil de Santa Catarina, continuaria sendo assim porque atende a demanda do transporte especializado aeromédico, mas atende também ocorrências da Polícia Civil”, explicou Agnaldo.

Conforme o prefeito, o objetivo já é deixar esse pedido feito ao Governo do Estado, já que este ano é eleitoral e não há possibilidade de a aquisição acontecer ainda neste ano. Entenda mais sobre o assunto na entrevista completa com Agnaldo para o programa Comando Marconi:

 

Entre em nosso grupo do WhatsApp e receba as principais notícias que foram destaques na programação da Marconi FM