O Conselho Administrativo da Cooperativa Energética Cocal do Sul (Coopercocal), realizou neste mês, reunião para definição da empresa que irá executar os trabalhos para construção da nova Linha de Transmissão 69kV. Entre quatro orçamentos expostos, a Lumar Montagens Elétricas de Criciúma apresentou o menor valor e foi aprovado por unanimidade pelos diretores o valor de R$ 5,3 milhões.

Os diretores também analisaram três orçamentos para a compra dos postes. O contrato foi efetivado com a Indústria de Postes Indaial Ltda. Serão adquiridos 90 postes com altura média de 30 metros, orçado em R$ 5,9 milhões.

O presidente Altair Lorival de Melo informou que as obras devem iniciar ainda este ano. “Encaminhamos o projeto ao IMA (Instituto do Meio Ambiente) há mais ou menos 70 dias, estamos fazendo as alterações conforme nos foi solicitado e assim que o projeto ambiental estiver liberado já daremos início as obras” explicou.

“Esta é uma obra de suma importância para a sobrevivência da cooperativa. Quantidade de energia para suprir a demanda, qualidade e preço acessível é sinônimo de desenvolvimento, e é isso que queremos para os municípios de nossa área de atuação”, afirmou o presidente.

Colaboração: Danylla Zanette / Assessoria de Comunicação