A Associação dos Municípios do Extremo Sul Catarinense (Amesc) comemora neste domingo, dia 5, 42 anos de atuação. Sua principal missão é fortalecer a estrutura técnica-administrativa dos municípios filiados e realizar a defesa dos interesses de seus cidadãos. Há mais de quatro décadas a associação dedica-se à defesa dos interesses do municipalismo ao integrar os 15 municípios do extremo sul-catarinense, unificando-os em prol do desenvolvimento regional sustentável e auxiliando a gestão pública municipal.

O trabalho colegiado surgiu no dia 5 de setembro de 1979 quando a Amesc foi fundada com nove municípios filiados, conquistada pela vontade política de um grupo de prefeitos. Coube a Salmi Paladini (em memória) ser o primeiro presidente. “Quando analisamos a história da instituição vemos uma história de sucesso, com a credibilidade do trabalho ao longo destas décadas. A cada dia fortalece o sentimento de integração em prol do bem estar da população. A bandeira que se ergue é o desenvolvimento da nossa região”, apontou o presidente e prefeito de São João do Sul, Moacir Francisco Teixeira.

Moacir falou mais sobre os 42 anos de atuação dos municípios que compõem a Amesc em entrevista ao Comando Marconi. Ouça:

 

“O modelo de associativismo catarinense é referência no país. Passa pela essência da Amesc mais de dez administrações municipais ao longo destes 42 anos. São muitas pessoas e histórias que se unificam a história da entidade municipalista. São aproximadamente 150 prefeitos e suas equipes trabalhando em cada cidade e formando uma região melhor”, completou.

Foram muitas as conquistas e atuações da Amesc, como: capacitação das administrações públicas municipais; fomento ao desenvolvimento regional sustentável; formação dos colegiados setoriais; construção da sede própria; assessorias técnicas; eventos regionais e atuação marcante em reivindicações regionais, a exemplo da duplicação da BR-101, pavimentação das Serra da Rocinha e do Faxinal e manutenção de órgãos na região como a Receita Federal.

Moacir lembrou que os prefeitos se mantêm atentos em meio à pandemia do coronavírus. Uma das conquistas neste ano foi em relação ao suporte com equipamentos para UTI COVID no Hospital Regional do Araranguá. “É um esforço contínuo, pois temos diversos setores que precisam de atenção e todos são importantes, mas quando realizamos um diálogo regional, ganhamos força para a busca das soluções. Parabéns Amesc, parabéns população por estes 42 anos de atuação municipalista”, ressaltou.

Colaboração: Renata Tonetto Angeloni / Assessoria de Comunicação