Com a chegada do inverno, algumas mudanças no cotidiano somadas às temperaturas mais baixas fazem com que certos problemas na pele apareçam. Um exemplo é o prurido, popularmente conhecido como coceira, que pode se originar devido a desidratação da pele. Hábitos de tomar mais de dois banhos por dia, água muito quente, e o uso frequente da esponja para esfregar o corpo podem contribuir para a remoção da hidratação natural da pele, conhecido como manto lipídico. A pele ressecada pode ocasionar fissura e descamação de determinados casos, no qual é mais comum durante essa época do ano.

O dermatologista, doutor Adroaldo Luiz Apolinário, explica que a dermatite seborreica também pode se agravar no inverno. Esse tipo de inflamação pode ser causado também por banhos muito quentes, que contribuem para o aumento da conhecida caspa, além de vermelhidão na área central do rosto, nas sobrancelhas, região próximo ao nariz, e em homens na barba. “O suor é um sistema termorregulador da nossa pele, a gente precisa soar, quando você não soa, você tem problemas, inclusive existem algumas doenças genéticas em que o indivíduo perde a capacidade de suar ou ele nasce sem suas glândulas sudoríparas e isso traz um problema muito sério, aí você tem descamação, aumento de temperatura corporal… Então o suar é importante”, explica o especialista.

O programa Ponto de Encontro aborda sobre esse assunto e os mais diversos sobre a dermatologia em entrevista com Adroaldo Apolinário. Ouça na íntegra:

Parte 01

 

Parte 02

 

Já a rosácea é uma doença que causa vermelhidão, com lesões na pele parecidas com a acne e que se agravam com o ar quente. “Às vezes isso se inicia dessa forma: o paciente tem esse vermelhidão, às vezes toma uma taça de vinho e fica todo vermelho, está em um ambiente mais frio, entrou em um ambiente aquecido, com ar condicionado ou com lareira, aquele rosto vai ficar ruborizado, isso é uma reação de defesa da pele, uma reação exacerbada, você tem uma vasodilatação, os vasos da face se dilatam e dá aquela vermelhidão”, esclarece Adroaldo.

Novidades na Região

A KASA DERMA é o novo centro de tratamentos dermatológicos em Criciúma, traz à experiência de quatro dermatologistas, Dra. Karla Ceretta, Dra. Ângela Lapólli, Dra. Silvana Zarur e Dr. Adroaldo Luiz Apolinário. A única clínica dermatológica da região com unidade de fototerapia no tratamento de doenças da pele como psoríase e vitiligo. Conheça a Kasa Derma, atendimentos nas áreas clínica, cirúrgica e estética com as mais recentes tecnologias e com os melhores profissionais. Atendimento a particular, planos e convênios.