Cinco profissionais da Secretaria de Saúde de Criciúma estarão a partir desta segunda-feira (26) no Terminal Central aplicando testes rápidos. A ação vai durar cinco dias, sempre das 8 horas ao meio-dia, e será voltada para toda a população, com exceção daqueles que já foram vacinados contra a Covid-19. O objetivo é obter uma estimativa de quantas pessoas já tiveram contato com o coronavírus no município.

“Trata-se de uma pesquisa epidemiológica, que trará indicadores importantes para a Secretaria de Saúde. O nosso intuito é saber a porcentagem de contaminados aqui em Criciúma, por isso também escolhemos o Terminal Central, já que ali circulam pessoas de todos os bairros. É importante lembrar que essa ação não tem como finalidade o diagnóstico de pacientes”, explicou o secretário municipal de Saúde, Acélio Casagrande.

A expectativa é realizar testagens em massa na população durante os cinco dias de ação. “Pretendemos aplicar os testes em todos aqueles que tiverem interesse. Contudo, quem já tomou a vacina contra a Covid-19 não poderá participar, porque haverá dificuldade em saber se o anticorpo é da vacina ou não é”, explicou a coordenadora do Laboratório Municipal de Criciúma, Andréa Goulart de Oliveira.

Andréa falou sobre o assunto e explicou a iniciativa durante o programa Comando Marconi. Ouça:

 

Colaboração: Richard Vieira / Decom