As monitoras que participaram do treinamento para desenvolverem técnicas artesanais receberam certificados de conclusão de curso. A entrega foi feita pela prefeitura de Cocal do Sul e a Cooperativa Elétrica de Cocal do Sul (Coopercocal) nesta segunda-feira (22). Os certificados serão repassados a todas que fazem parte dos 26 clubes de mulheres do município, o que corresponde a aproximadamente 900 pessoas. A capacitação, que durou cerca de um mês, trouxe qualificação e aprendizado em relação às técnicas do trabalho artesanal, desenvolvidas pela Associação dos Artesãos de Cocal do Cocal (Cocal Arte), que faz parte da Coopercocal.

“Foi a primeira vez que fizemos essa parceria com a Prefeitura, pois nós vimos essa necessidade de passar isso a outras mulheres para que elas levem aos grupos de mães; o nosso objetivo é passar aprendizado”, declara a presidente da Associação dos Artesãos de Cocal do Cocal, Rita de Cássia Mendes Melo. Ela conta que as monitoras aprenderam a fazer diversos tipos de peças, desde enfeites de porta, vasos, porta-guardanapos, cachepôs e itens relacionados à Páscoa. Todos sem a necessidade de utilizar máquina de costura, apenas com técnicas manuais.

Ouça a palavra de Rita de Cássia sobre o curso e os trabalhos feitos pelo projeto:

 

O prefeito de Cocal do Sul, Fernando de Fáveri, também esteve presente na entrega dos certificados e acredita que essa parceria é de extrema importância para o município, já que visa à qualificação de centenas de mulheres e garante a elas técnicas e meios de terem sua própria renda. “Muitas irão aprender a técnica e irão utilizar as peças para decorar sua casa, mas muitas outras irão utilizar para a sua própria renda. Queremos futuramente investir em exposições para que elas possam comercializar os trabalhos de artesanato e dar visibilidade aos grupos de mulheres”, ressalta.

O presidente da Coopercocal, Altair Lorival de Melo, afirma que esse trabalho social desenvolvido pela cooperativa é extremamente gratificante, pois além de cumprir com o papel de cooperativa, trabalha em prol do interesse pela comunidade e pelo bem-estar dos seus associados e consumidores.

O trabalho desenvolvido com as mulheres artesãs vai muito além capacitação e desenvolvimento de artesanato, tem também a finalidade de realizar um trabalho social. Isso porque existem duas oficinas especiais: Grupo Mulheres Artesãs, que oferta curso de artesanato gratuito com técnicas manuais de produção e Bercinho de Anjo, onde são produzidos kits berço/kits para bebês, para aprendizado, diversificação da renda e também doação às famílias menos favorecidas.

“Em tempos de pandemia, o melhor lugar para nossas mães sul-cocalenses é na segurança das suas casas. Por isso, fomos buscar qualificação para nossas instrutoras para que quando a vida voltar ao normal, nossas mulheres possam ter o melhor aprendizado possível e também possam gerar renda. Agradecemos então a transferência de conhecimento gerado pelo grupo ligado à Coopercocal”, salienta a coordenadora do Clube de Mulheres de Cocal do Sul, Daniela Martins.

Colaboração: Amanda Farias e Danylla Zanette / Assessorias de Comunicação – Prefeitura de Cocal do Sul e Coopercocal