A Cooperja realizou a Assembleia Geral Ordinária (AGO) no último sábado, dia 13. Devido à pandemia da Covid-19, o evento aconteceu semi-presencialmente. Para quem optou participar de forma presencial, a reunião foi no Campo Demonstrativo Cooperja (CDC), em Jacinto Machado, com número reduzido de participantes. O associado que escolheu acompanhar remotamente, recebeu um link de acesso com login e senha.

Para os presentes, a votação foi através de leitores de código de barras disponibilizados na chegada. No remoto, a votação foi realizada de forma on-line.

Na AGO, foram pautados os seguintes itens (todos foram votados e aprovados pela maioria):

  • Prestação de contas do exercício encerrado em 31/12/2020;
  • Destinação das sobras;
  • Eleição e posse dos membros do Conselho de Administração e Conselho Fiscal;
  • Indicação dos líderes para os Comitês Educativos;
  • Apresentação dos objetivos para 2021;
  • Autorizações ao Conselho de Administração, para contrair obrigações;
  • Outros assuntos gerais.

A Cooperja apresentou resultado bruto positivo superior a R$ 45 milhões, que após tributação e destinações estatutárias, ficou à disposição da AGO mais de R$ 28 milhões. O Conselho de Administração sugeriu uma proposta de capitalizar 75% e deixar 25% em uma reserva de sobras, devido ao período de incertezas em relação à pandemia. Após as argumentações do presidente Vanir Zanatta e a sugestão da assembleia, os associados puderam votar e escolher uma das propostas. Ao final, foi aprovada a sugestão do Conselho de Administração.

Conselho de Administração eleito para gestão 2021/2025:

  • Presidente: Vanir Zanatta;
  • Vice-presidente: Antônio Moacir Casagrande;
  • Secretária: Rosângela Paganini Fregulia da Silva;
  • Conselheiros: Valmir Savi, Luiz Carlos Possamai Della, José Haroldo Cadorin, Joel Varela Piva, Agostinho Magnus Scheffer e Luiz Marino Vuolo.

Novos Conselheiros fiscais (gestão 2021):

  • Reginaldo Ghizzo Zanatta;
  • Edison Vargas de Mello;
  • Esilânio da Silva Pereira;
  • Kathia Rosi Boeira Damiani Pereira;
  • Laércio Candiotto Casagrande;
  • João Osmar Spillere.

Vanir Zanatta ressaltou e agradeceu a confiança dos associados em reconduzi-lo por mais 4 anos à frente da Cooperja. “Saí satisfeito com a participação, discussões e sugestões da assembleia. É uma realidade as novas formas de pensar e agir diante da pandemia. Por isso, nossos encontros precisam ser mistos, evitar aglomerações e possíveis transmissões da Covid-19. Nossa AGO teve uma pequena participação de associados pela plataforma, mas estava disponível e quem conseguiu participar de casa, acredito que tenham gostado. As próximas assembleias, bem provável que teremos que disponibilizar nas duas modalidades. Mudar para acompanhar a evolução, a tecnologia. Mas sem esquecer, que somos produtores cuidando de produtores”, destacou Zanatta.

Após as votações, todos acompanharam a palestra com o tema “Depois da pandemia, para onde vai o mercado do arroz em 2021/22”, ministrada remotamente pelo jornalista e analista de mercado do arroz, da Revista Planeta Arroz, Cleiton Evandro dos Santos.

Devido a preocupação com a saúde de todos não foi servido almoço.

Colaboração: Aline Somariva / Assessoria de Comunicação