Após a conclusão da etapa que ficou sob a responsabilidade da Secretaria de Obras de Urussanga (drenagem na Rua Alfredo Gazzola) e do SAMAE (espera para o sistema de esgoto na Rua Giovanni Damiani) a empresa vencedora da licitação, BCL Empreendimentos LTDA, já pode dar início aos trabalhos que vão culminar na pavimentação asfáltica da região central, pois o ato de entrega da Ordem de Serviço aconteceu na manhã desta quinta-feira (13).

Neste pacote de obras e ações que o Governo de Urussanga vem efetivando estão as ruas Alfredo Gazzola, Bernardo Tasso, Giovanni Damiani, o trecho superior da Olívio Mariot e a Rua Raul Zeferino Mafra totalizando 1,1 km de extensão, com investimento aproximado de mais de quinhentos mil reais. Estas vias devem ser finalizadas, se a questão climática contribuir, até o final do mês de setembro.

Segundo o prefeito de Urussanga, Luis Gustavo Cancellier, as avenidas da região central também estão na programação e receberão o recapeamento asfáltico. “Como mencionado em outras oportunidades nosso pacote de obras está pleno andamento. Estamos falando de 60 obras somadas as que estão em andamento e as que vão iniciar. No próximo trimestre, Urussanga se tornará um verdadeiro canteiro de obras. O maior canteiro de obras já visto e, também, o maior volume de recursos investidos. Será um ritmo mais acelerado do que em 2019”, destaca o prefeito acrescentando que devido às incertezas causadas pela pandemia as obras foram atrasadas, mas já estão seguindo um bom ritmo.

As avenidas que receberão nova camada de asfalto são: Presidente Vargas, Nereu Ramos e Silvio Ferraro, somando quase dois quilômetros, com custo em torno de um milhão de reais. Esse serviço dá sequencia ao que já foi realizado como o recapeamento da vias que dão acesso ao Hospital Nossa Senhora da Conceição (Ruas Almir dos Santos Pinheiro e Angelo Antônio Nichele). E a Avenida Marcos Costa (Centro).

“O projeto de pavimentações em todo o Município é volumoso e atende todas as regiões: central, bairros e interior, uma vez que essa proposta tem como objetivo levar desenvolvimento econômico, social e mais qualidade de vida aos urussanguenses”, comenta o Diretor de Planejamento, Sergio Maccari Junior ressaltando que os transtornos inerentes à obra estão sendo minimizados ao máximo. “Na fase em que as obras estão entrando, a exemplo da reperfilagem para nivelar as ruas, os transtornos já serão menores, pois o trânsito é interrompido por aproximadamente três horas, sendo liberado em seguida. Ainda assim, buscamos minimizá-los ao máximo”.

Administração Municipal já pavimentou aproximadamente 24 km de estradas no centro, bairros e no interior. Entre as obras em andamento e as que serão iniciadas nos próximos dias, somam-se 60 frentes de trabalho.

Colaboração: Comunicação Prefeitura de Urussanga