A Polícia Civil, por meio da Divisão de Crimes Ambientais de Tubarão, realizou uma operação com o intuito de apurar diversas denúncias recebidas sobre uma possível manutenção ilegal de aves silvestres em cativeiro.

Na tarde de quinta-feira (30), os policiais civis se deslocaram até uma residência no bairro São João e apreender 32 espécies da avifauna nativa silvestre brasileira que se encontravam ilegais no local. O suspeito não estava na residência e responderá pelo crime de guarda ilegal de aves silvestres.

Foto: Polícia Civil