Atualizada: Máquina da Prefeitura de Urussanga é apreendida em área de Preservação

Secretário de Agricultura da cidade presta esclarecimentos sobre o caso

52
Foto: Divulgação

Nesta terça-feira (18), uma máquina da Prefeitura de Urussanga foi apreendida por estar trabalhando em área de preservação permanente. Por volta das 10 horas, um fiscal da Fundação Ambiental Municipal de Urussanga (FAMU), foi realizar uma vistoria da área para a liberação de água e energia no bairro Rio Galo.

O local estava sendo preparado para construção de uma casa, mas não respeitando o que manda a legislação ambiental, pois o imóvel seria construído a menos de 30 metros de um rio. Nossa reportagem entrou em contato com o Secretário de Agricultura, Rozemar Sebastião, que irá se pronunciar sobre o assunto nesta quinta-feira (20), dentro do Programa Comando Marconi.

Em entrevista à Rádio Marconi FM 99.9, na manhã desta quinta-feira (20), o Secretário de Agricultura da cidade, Rozemar Sebastião, ressaltou que o serviço foi solicitado, por meio do Programa Porteira Aberta. “Eu e o colono que solicitou o serviço não vimos nada de errado”, declarou o responsável pelo setor da agricultura. Ouça a entrevista abaixo:

 

A Prefeitura de Urussanga emitiu uma nota de esclarecimento na noite desta quarta-feira (19):

Nota de esclarecimento

“Por ter chegado ao conhecimento da  Administração Municipal de Urussanga, nesta quarta-feira, 19 de fevereiro, notícias veiculadas nas redes sociais e em emissora de rádio local, dando conta de que o Município foi autuado por infração ambiental, pela utilização de máquina escavadeira, de sua propriedade, na realização de serviço do programa porteira aberta em prioridade de um agricultor urussanguense,  o Prefeito Municipal, no uso de suas atribuições legais, determinou a abertura de processo de sindicância  para apuração das respectivas responsabilidades e eventual irregularidade na prestação do suposto serviço”.

Da Redação