Morro da Fumaça busca Certificação Internacional Anticorrupção

A cidade seria a primeira da região e a quarta de Santa Catarina a ter a norma

88
Foto: Comunicação Prefeitura de Morro da Fumaça

Morro da Fumaça busca a aplicação do Sistema de Gestão de Compliance e Antissuborno (ISO 37001). Para isso, o Governo Municipal procurou o Sebrae para firmar uma possível parceria. A cidade seria a primeira da região e a quarta de Santa Catarina a ter a norma. Após demonstrar interesse pelo ISO 37001, o prefeito em exercício, Eduardo Sartor Guollo e a Procuradora do Município, Roivana Fornazza, receberam o coordenador Regional do Sebrae, João Alexandre Guze, para debater o assunto e agora aguarda o retorno do prefeito licenciado, Noi Coral, para tratar da adesão. “Já possuímos uma gestão de resultados, técnica, e agora queremos melhorar ainda mais, dando mais segurança à população e ao contribuinte, com ainda mais transparência dos investimentos dos recursos públicos”, destaca Guollo.

A norma, também conhecida como anticorrupção, é internacional e fornece os requisitos e a devida orientação para estabelecer, implantar, manter e aperfeiçoar um sistema de gestão anticorrupção. O ISO 37001 institui o combate ao suborno praticado, tanto contra uma organização e seus colaboradores, como em favor destes. “Esta norma vem para fortalecer as novas formas de fazer gestão”, pontua Guollo.

O Sistema de Gestão Antissuborno pode ser um sistema autônomo ou ser integrado com outros sistemas de gestão, podendo optar por implementá-lo junto com, ou como parte, dos seus outros sistemas de gestão, tais como da qualidade, meio ambiente e segurança e saúde.

Colaboração: Comunicação Prefeitura de Morro da Fumaça/ Jornalista Marciano Bortolin