Com o objetivo de melhorar o dia a dia dos transportes coletivos de Criciúma, a Diretoria de Trânsito e Transporte (DTT), juntamente com as empresas de ônibus, contratou o Instituto de Pesquisa Catarinense (IPC) para realizar uma pesquisa com os usuários do serviço. O resultado da pesquisa foi apresentado na manhã desta sexta-feira (14), na Sala de Atos, no Paço Municipal Marcos Rovaris.

A reunião contou com a presença do prefeito Clésio Salvaro, do secretário geral Arleu da Silveira, do secretário da Fazenda Celito Cardoso, diretor da DTT Gustavo Medeiros e representantes do sistema da Associação Criciumense de Transporte Urbano (ACTU), sendo estes ZTL, Critur e Forquilhinha.

De acordo com o diretor da DTT, Gustavo Medeiros, a pesquisa ouviu jovens entre 16 a 20, adultos de 20 a 45 e idosos de 45 a 60 anos. “Essa pesquisa vai contribuir tanto para o usuário quanto para a cidade, uma vez que o contentamento do público vai nos ajudar a atrair mais pessoas”, comenta.

Para o diretor da ACTU, Everton Pedro Trento, os usuários do transporte público são a matéria prima. “Nós precisamos deles e, por isso, precisamos tratá-los bem, oferendo um trabalho de qualidade”, afirma. “Nos próximos dias, será criado um grupo de trabalho baseado nessas informações e, num prazo máximo de 60 dias, já haverá uma posição para a execução das decisões”, finaliza Everton.

Colaboração: Maria Henrique Leandro / Assessoria de Comunicação