Na última semana, a Associazione Internazionale Trevisani nel Mondo – Sezione di Urussanga realizou a eleição e posse da nova diretoria, na sala de treinamentos da empresa Chapam, da família Meneghel, no bairro De Villa. Na chapa, aclamada por unanimidade, Sérgio Luiz Maccari Junior assumiu como vice-presidente e passou a presidência a Eduardo Cechinel Bonetti. O novo presidente possui formação em Ciências Políticas pela Università degli Studi di Pavia (Itália) e experiência nas áreas de relações internacionais, comércio exterior e língua italiana.

De acordo com Eduardo, a marca da associação Trevisani é a decisão coletiva e a intenção do mandato é ser mais participativos nas decisões culturais de Urussanga. “É preciso reconhecer o trabalho que a família Maccari fez desde a fundação da entidade em 1995 e dos serviços que prestou à associação internacional, que dá maior relevância à estrutura e a comunidade dos trevisanos no mundo. Minha origem é dos Cechinel de Rio Carvão que se estabeleceram posteriormente na serra. O capital social, que corresponde às relações interpessoais, interação social, associativismo, é elemento muito importante nos países mais desenvolvidos. Nota-se que o nível de associativismo no Brasil é pequeno, mas neste quesito Urussanga deve se orgulhar disso. Muitas vezes as pessoas questionam a existência das associações de resgate da cultura italiana a cada movimentação dos grupos. Por definição, prega-se a manutenção, a conservação do legado e da história dos nossos antepassados. Os caminhos a serem percorridos neste biênio não serão diferentes da gestão anterior. A nova diretoria precisa da participação dos membros para as deliberações e a marca da Trevisani de Urussanga é a decisão coletiva. Pretendemos nos mostrar mais como atuantes, fazer-se influentes nas decisões culturais da cidade”, frisou durante discurso de posse.

A diretoria também é composta pela secretária titular Renata Trento e suplente Jaira Meneghel, tesoureiro titular Fernando Copetti e suplente Vagner Natália Bettiol. O Conselho Fiscal é formado pelos membros: Vera Goncalves, Odile Biz, Henrique Bettiol, Scheila Bosa, Jair Nandi e Eliana Maccari. Os empossados receberam bottons enviados pela sede central da Trevisani Nel Mondo. O mandato é de dois anos.

Os sócios-fundadores da entidade Jahir Meneghel e Sérgio Maccari recontaram o início dos trabalhos em 1995 e histórias da imigração trevisana na cidade. Em seguida, Jahir Meneghel foi nomeado presidente de honra da associação Trevisani de Urussanga. Um dos membros mais antigos, Apolonio Frassetto também foi reconhecido pela sua efetiva participação nas reuniões e ganhou um botton. Os novos membros Giovanna Serafin Couto Tasca, Cleomar Fogassa e Marco Antonio Vargas Zaguini também foram acolhidos. Ao final do encontro, os associados discutiram a forma de participação da entidade nas festas municipais deste ano.

Colaboração: Eliana Maccari / Assessoria de Comunicação