Nesta quinta-feira, (15), aconteceu o retorno das aulas, na rede estadual de ensino. O repórter Edi Carlos visitou alguns dos principais centros educacionais da cidade de Urussanga. Entusiasmados os alunos, professores e diretores desejam que tudo dê certo neste ano de 2018.

A Escola Vincenzo De Villa, localizada no bairro De Villa, em Urussanga, diz que mesmo estando desde janeiro organizando o ambiente escolar, quinta-feira foi o dia de retorno, e preferiu chegar cedinho para receber os alunos. “Temos 160 alunos matriculados, do 1º ao 9º ano, mas ainda estamos com matrículas abertas para turmas do primeiro, terceiro, quarto e quinto; e do sexto ao nono ano. Lembramos que no 2º ano não tivemos um número considerável para formar turma, porque no ano passado não oferecemos o 1º ano. Apesar de uma turma a menos, isto não prejudica a escola e nem os alunos atuais. Deixamos sempre as portas da Escola Vincenzo De Villa abertas para sempre receber as pessoas que queiram conhecer nosso ambiente escolar, visando sempre o bem estar do aluno. Pensamos no futuro para formarmos uma sociedade justa e igualitária”, pontua o diretor Joel.

Em sala de aula, desde os primeiros minutos, na escola Vincenzo, a professora de matemática, Luciana Bresciani diz que é com grande satisfação que iniciam mais um ano. “Os alunos estão empolgados. Estamos muito felizes aqui na escola, com o nosso diretor Joel, e esperamos que seja um grande ano letivo”, destaca a educadora.

Na Escola Barão do Rio Branco, que fica no centro da cidade de Urussanga, a Diretora Simone Feltrin, está desde o dia 21 de dezembro, como diretora da instituição de ensino. “Procuramos revitalizar a escola e prepará-la para receber os alunos. Nós fizemos alguns reparos físicos e trabalhamos a parte humana, com os professores e funcionários, assim esperamos ter um bom ano letivo. O Barão tem aproximadamente 550 alunos, mas ainda verificamos a procura por matrículas. Queremos ser uma escola que faça a diferença na vida escolar de nossos alunos”, relata a diretora Simone Feltrin.

No último ano de estudos na escola Barão, estudante do 3º do ensino médio, Bernardo Silva, já projeta o seu futuro como profissional de Educação Física. “Cheguei hoje feliz por poder ver os amigos e encontrar os professores. Espero fazer um bom ano, e como é o meu último ano na escola, quero garantir as boas notas já no primeiro bimestre. Depois de terminado o terceirão eu quero ingressar na faculdade, estudar sobre o que gosto, pois estou envolvido no esporte (Karatê) desde criança,então pretendo seguir pelos caminhos da Educação Física”, ressalta o jovem.

Já a estudante Débora De Brida pensa em seguir carreira na Engenharia Química. “Eu estudo aquí no Barão desde pequena, e é sempre bom voltar, mesmo que seja para este último ano. A escola sempre nos deu uma ótima estrutura, e nos recebeu bem. E eu também penso que é melhor garantir as notas boas já no primeiro bimestre. Eu “tô” bem animada, e minha expectativa é que todo o esforço valha à pena”, analisa Débora.

Lembrete

Faz parte da rede estadual de ensino, em Urussanga, as seguintes escolas: Ceja de Urussanga (antigo Naes), no bairro da Damas; Escola. E. Fundamental Lucas Bez Batti, situada no bairro Santana; Escola E. B. Barão do Rio Branco, no centro da cidade; E. E. . F. Vincenzo De Villa, que fica no bairro De Villa; E. E. F. Antonieta Quintanilha de Andrade, no Rio América Alto; e a Escola E. B. Caetano Bez Batti, que fica no bairro Estação (iniciará o ano letivo no dia 19, segunda-feira, porque está finalizando as reformas no telhado e parte elétrica).

Ouça as entrevistas em alguns locais de estudo:

Vincenzo De villa

 

Barão do Rio Branco

 

Caetano Bez Batti (retorno no dia 19 de fevereiro)

 

Imagens

A rede municipal de ensino tem início na próxima segunda-feira (19).

Fotos/Áudios/Texto: Edi Carlos De Rezende/Repórter