A segunda reunião ordinária, em 2018, do Legislativo de Urussanga aconteceu na noite desta quarta-feira (14). Confira abaixo o resumo das falas dos vereadores que utilizaram o tempo destinado aos edis.

O vereador Gilson Casagrande (PP) falou sobre alguns questionamentos apresentados na primeira reunião, na semana anterior. Disse que a manutenção da estrada do rio América já foi realizada; que o transporte gratuito para pacientes que vão ao hospital de Araranguá, é somente para mutirão de consultas, os agendamentos únicos não é oferecido transporte. O Vereador apresentou requerimento solicitando a presença em reunião do legislativo Municipal do Diretor Geral da X.PNG Incorporadora para explicar os motivos do atraso na entrega das escrituras do programa “lar Legal” em Urussanga.

José Carlos José (PP) classificou como calamitosa e intransitável as condições da estrada Urussanga a Siderópolis via Rio Caeté. O Vereador informou que desde fevereiro de 2017 vem solicitando a manutenção daquela rodovia estadual junto a Agência de Desenvolvimento Regional (ADR) de Criciúma sem uma resposta concreta.  O vereador propôs um convênio entre o município e a ADR e mesmo apresentando um orçamento no valor de R$ 220.000,00 para a manutenção anual do trecho, ainda não recebeu uma resposta do órgão estadual.

Jair Nandi (PSD) voltou a cobrar a construção do campo de futebol do Bairro Bom Jesus demolido para a construção da Unidade Básica de Saúde no local. Para o Vereador é inadmissível que um bairro daquele tamanho não possua uma área de lazer, sendo que existe espaço livre para a construção e o investimento é insignificante perto dos benefícios que irá proporcionar. O vereador solicitou ainda, a manutenção de alguns equipamentos do Poliesportivo do Bairro da Estação e do Poliesportivo do centro da cidade, pois alguns podem colocar em risco a segurança, principalmente das crianças que frequentam os locais.

João Batista Bom (PDT) agradeceu a aprovação de Requerimento apresentado na Sessão desta quarta-feira autorizando sua licença do Legislativo para assumir a Secretaria da Agricultura do Município. O vereador informou que vai procurar a CIDASC e a EPAGRI para buscar parcerias que possam melhorar ainda mais os serviços oferecidos aos agricultores de Urussanga. Obs.: Quem assumirá a cadeira de Tita será Bráz Cizeski, vindo da Secretaria de Assistência Social.

O Vereador Marcos Roberto Silveira (PT) justificou sua ausência devido a compromissos profissionais.

Os demais vereadores participaram das discussões e votações das proposições apresentadas na ordem do dia, porém não utilizaram o espaço da tribuna.

Colaboração: Wilson Adriani/Comunicação Câmara