Pai e filho, secretário e vereador presos são suspeitos de integrarem esquema com empresários em Laguna

Foto: Divulgação / Polícia Civil
- Publicidade -

O vereador Antônio César da Silva Laureano e o secretário municipal de Pesca, Antônio Michel Graboski Laureano, pai e filho, estão entre os investigados presos pela Operação Seival. Nesta quarta-feira (22), delegados da Diretoria Estadual de Investigações Criminais – Deic e da Delegacia da Comarca – DPCo de Laguna deram detalhes da investigação.

Ao todo, 13 pessoas foram presas na terça-feira (21), quando a operação foi deflagrada. Seis são prisões temporárias e as outras sete, preventivas. Os nomes dos suspeitos não foram divulgados pela Polícia Civil. Foram cumpridas 76 ordens judiciais. Os suspeitos são investigados em três inquéritos policiais.

Mais informações no Portal Sul In Foco

COMPARTILHAR