Morro Grande ingressa com cautelar contra JBS

Na Justiça, Município tenta reverter fechamento da unidade e impedir retirada de equipamentos do local

Foto: Divulgação
- Publicidade -

O Município de Morro Grande ingressou com uma cautelar no Fórum da Comarca de Meleiro nesta quinta-feira, 26, contra a JBS. O objetivo, de acordo com o advogado Volnei Favarin, é impedir que a empresa retire materiais e equipamentos da planta, com o término das atividades. “Muitos destes equipamentos ainda pertencem a Tramonto que segue em processo de recuperação judicial”, explica o advogado.

Nos próximos dias, a juíza Thania Mara Luz deverá dar um posicionamento. “Nós embasamos muito bem. Demonstramos o monopólio e a formação de cartel da JBS. Nossa região não tem outros abatedores de grande porte. O que deixa nossos avicultores presos”, expõe Favarin.

Com o encerramento das atividades da JBS e a demissão dos trabalhadores, que deverá ocorrer a partir de 1º de novembro, toda a região Sul catarinense deverá ser afetada. Nesta quinta-feira, 26, a empresa encerrou os abates.

Com informações do portal DN Sul

COMPARTILHAR