Cinco criminosos tentaram, na noite de sábado e madrugada deste domingo, realizar ataques no Parque das Nações. Conforme informações da prefeitura de Criciúma, os envolvidos fizeram duas tentativas de danificar o patrimônio. Na primeira, por volta das 23h de sábado, cerraram o portão frontal do Parque e as lixeiras. Já na segunda vez, por volta das 3h, entraram pela parte de trás do local com o objetivo de atear fogo no trem de passeio Teresinha, réplica da locomotiva Tereza Cristina. A ação foi evitada graças a presença de quatro vigias presentes no local.

Centro de Zoonoses também foi alvo

Ainda na tarde de sábado mais um incidente foi registrado em Criciúma. Um veículo da prefeitura estacionado ao lado da estrutura do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) no Bairro Renascer foi alvo de incêndio. A estrutura do prédio foi danificada por ter sido atingido pelas chamas, mas apenas em uma das paredes. O fogo não se alastrou pelo fato de a estrutura ser de alvenaria.

O Corpo de Bombeiros foi acionado e conseguiu conter rapidamente as chamas. Ninguém se feriu na ação. Os animais não estavam neste lado do CCZ e também não se feriram.

Conforme o comandante do 9º Batalhão da Polícia Militar , tenente-coronel Evandro Fraga, o ato é considerado um ataque criminoso e tem relação com os outros incidentes registrados em todo o Estado.

Com Informações do Portal Sul In Foco