O adolescente de 15 anos acusado por uma professora de agressão em uma escola municipal, prestou depoimento na tarde desta quarta-feira (23). Segundo o delegado José Klock informou à NSC TV, o jovem disse que ficou “muito nervoso” e perdeu o controle. O caso ocorreu na segunda-feira (21) em Indaial, no Vale.

Ainda faltam os depoimentos da secretária e da diretora da escola, que viram a agressão. O auto de apuração deve ser encaminhado pro Ministério Público na sexta-feira. A promotora adiantou que deve pedir a internação provisória do adolescente.

“Disse que primeiramente foi ofendido pela professora, a situação foi se agravando, ele perdeu a cabeça e acabou batendo na professora”, relatou o delegado responsável pelo caso, José Klock. “Se mostrou arrependido, teria não-feito se tivesse pensado um pouquinho mais. Disse que foi um ato impensado, de pura emoção”, continuou o delegado. “Até sexta-feira (25), vamos concluir o inquérito”, afirmou.

O jovem tem um histórico de violência. No ano passado, ele teve de prestar serviços à comunidade depois de agredir um colega e bater na própria mãe. A Secretaria Municipal de Educação informou que vai suspender o adolescente das aulas.

Fonte: G1 / SC