Confira os destaques do “Jornalismo da Manhã” desta segunda-feira (14).

Namorado é suspeito de matar garota de 15 anos em Balneário Camboriú

Um jovem de 18 anos é suspeito de ter matado a namorada de 15 em Balneário Camboriú, no Litoral Norte de Santa Catarina. Conforme a Polícia Militar, o rapaz contou a mãe dele sobre o crime na madrugada desta segunda-feira (14) e depois fugiu. O suspeito já tem 17 boletins de ocorrência, a maioria por furto, informou a PM. (Fonte: G1/SC).

Em SC, Alckmin reforça discurso de pré-candidato

Foto: Divulgação

O governador Geraldo Alckmin (PSDB), de São Paulo, visitou Santa Catarina no sábado. Com discurso de pré-candidato à presidência, ele criticou o PT e reforçou que os tucanos estão preparados para voltar a governar o Brasil. (Fonte: Engeplus / Karina Manarin)

Plenário da Câmara pode votar reforma política nesta semana

A menos de dois meses do fim do prazo para que mudanças no sistema político brasileiro possam valer nas eleições de 2018, a Câmara fará nesta semana uma nova tentativa de deixar projetos de reforma política prontos para votação em plenário.

Tensão racial: Casa Branca tenta conter críticas a Trump

Após duras críticas de cidadãos e de políticos, a Casa Branca saiu em defesa do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, sobre os violentos confrontos causados por supremacistas brancos na cidade de Charlottesville no último sábado (12). Em nota divulgada neste domingo (13), Washington afirmou que o mandatário estava condenando “todas as formas de violência, intolerância e ódio” ao se manifestar sobre os confrontos na cidade norte-americana, incluindo “supremacistas brancos, Ku Klux Klan, neonazistas e grupos extremistas.