Boxeador suspeito de matar tia de ex-companheira se entrega e é preso em Araranguá

Boxeador foi preso em Araranguá suspeito de matar tia de ex-companheira (Foto: NSC TV/Reprodução )
- Publicidade -

O boxeador suspeito de matar a tia da ex-companheira com uma barra de ferro em Araranguá foi preso após se entregar na tarde de terça-feira (5), por volta das 16h.

Na terça-feira, a Justiça havia autorizado a prisão preventiva de Claudinei Rodrigues Lacerda, de 37 anos, conhecido como Casca. Após se entregar, em depoimento, ele alegou legítima defesa, de acordo com o delegado Jair Pereira Duarte, da Delegacia de Proteção à Criança, Adolescente, Mulher e Idoso (Dpcami).

Ouça as informações do repórter Enio Biz:

COMPARTILHAR