Corrida leva centenas ao Parque das Nações

Nem mesmo a chuva afasta participantes em evento organizado pelo Sest Senat

Foto: Divulgação

Enquanto a maioria aproveitou a chuva da manhã de domingo para dormir um pouco mais, centenas de pessoas correram ao Parque das Nações, em Criciúma, em busca de competição ou apenas para fazerem um exercício. E correram, literalmente. Isso porque foi realizada ontem a etapa do Circuito Sest Senat de Caminhada e Corrida de Rua.O evento, organizado pelo Serviço Social do Transporte (Sest) e Serviço de Aprendizagem do Transporte (Senat) reuniu quase 350 pessoas. Alguns, já acostumados com a corrida.

Outros, que viam na prova, a oportunidade de se testarem. “É a primeira vez que eu participo. Comecei correndo de brincadeira, e achei uma boa oportunidade”, revela o fiscal Túlio Figueiredo.A chuva também não afastou a torcida. A maioria dos participantes contava com o apoio da família, no Parque das Nações. Alguns, inclusive, lado a lado na prova, como José Luiz, que foi convocado pela esposa a participar. “É importante, para exercitar o corpo”, afirma. “Muito bom levantar cedo no domingo e se mexer. “É muito bom levantar cedo no domingo e se mexer. A chuva nem incomoda”, completa a esposa Zelma.

Incentivo às atividades físicas

Segundo o diretor adjunto nacional do Sest Senat, Vinicius Ladeira, o propósito da prova não é a competição, e sim, incentivar a prática de atividades físicas, principalmente entre os trabalhadores do transporte. “É uma motivação a saírem de casa. Apesar de ter uma premiação para os primeiros lugares, o intuito não é a competição. O objetivo é tirar as pessoas da inércia. E o retorno está sendo muito positivo”, revela.

A etapa de Criciúma é uma das 34 provas realizadas em todo o Brasil durante 2017, o dobro do ano passado. “A participação tem sido bem intensa. As famílias participam juntas, realizam um exercício. É por isso que tem a caminhada, que não tem em outras provas, pois nós sabemos que a caminhada leva à corrida. E que no próximo ano, muita gente que está caminhando, possa participar da corrida”, completa Ladeira.

Fonte: Thiago Oliveira / DN Sul

COMPARTILHAR