Feira do Livro inicia nesta quarta-feira em Criciúma

Foto: Arquivo / Decom
- Publicidade -

Estimular a criatividade e aprimorar o conhecimento através da leitura. Essas são algumas das metas da 12ª Feira do Livro de Criciúma, organizada pela Câmara Catarinense do Livro (CCL), em parceria com a Administração Municipal, por meio da Fundação Cultural de Criciúma (FCC). Com mais de 15 mil títulos literários, o evento inicia nesta quarta-feira (4), às 9h, na Praça Nereu Ramos. A solenidade de abertura ocorre às 17h.

A expectativa dos organizadores é finalizar a montagem dos estandes até esta terça-feira (3). De acordo com o coordenador da Feira do Livro, João Vilmar da Silva, a iniciativa reunirá mais de 200 mil livros, com 150 editoras representadas. “Esperamos que 100 mil pessoas circulem pelos estandes nos 11 dias de evento. Queremos aumentar a venda dos livros em 20% em relação ao ano passado, onde comercializamos em torno de 60 mil exemplares”, explica.

Além de contar com uma área destinada ao lançamento de obras literárias, a Feira do Livro encantará o público com apresentações artísticas. “É por meio da leitura que as crianças ampliam sua imaginação e criatividade, além de melhorar a escrita. A Feira do Livro pretende incentivar o hábito da leitura e atrair os criciumenses”, salienta o presidente da FCC, Serginho Zappelini.

A Feira do Livro funcionará de segunda-feira a sexta-feira, das 8h30min às 20h30min, e nos sábados, das 8h30min às 19h. No domingo e no Dia de Nossa Senhora Aparecida, celebrado no dia 12 de outubro, o local atenderá das 13h às 18h.

O evento literário reúne entidades como: Universidade do Extremo Sul Catarinense (Unesc), Associação Beneficente da Indústria Carbonífera de Santa Catarina (Satc), Associação Feminina de Assistência Social de Criciúma (Afasc) e Anhanguera, além de escolas da rede pública e privada de ensino de Criciúma.

Colaboração: Ana de Mattia / Decom

COMPARTILHAR