Cânions do Sul estão a caminho de ser patrimônio mundial

Foto: Alvarélio Kurossu / Agencia RBS
- Publicidade -

Está mais perto de o Sul do Estado ter o Geoparque Caminhos dos Cânions do Sul, próximo à divisa com o Rio Grande do Sul. O secretário de Estado de Turismo, Esporte e Cultura, Leonel Pavan, assinou nessa sexta-feira a ordem de serviço para início dos estudos de rochas, solo e geografia da região. As atividades serão desenvolvidas nos municípios de Praia Grande, Jacinto Machado, Timbé do Sul e Morro Grande.

Os estudos são necessários para que os cânions entrem no processo de candidatura à Rede Mundial de Geoparques, da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura – Unesco. Eles serão realizados por pelo menos seis meses pela empresa Geodiversidade Soluções Geológicas. Ela foi contratada por meio de pregão em junho para desenvolver a estratégia de geoconservação do projeto.

Essa rede distingue áreas naturais com elevado valor geológico. Para isso, deve haver desenvolvimento sustentável que respeite as características naturais e envolva valores humanos. No Brasil, o único parque integrante à rede fica no Sul do Ceará, o Geoparque Mundial Araripe. Na América Latina, são apenas três. Além do Ceará, os outros ficam no Uruguai e no México. Com esse reconhecimento, aposta Pavan, aumentará o interesse turístico pela região e será possível atrair investimentos privados.

Com informações do site Diário Catarinense

COMPARTILHAR