Pequenos produtores de cachaça de SC querem aumentar exportações

A cachaça começou a ser produzida em Santa Catarina pelos imigrantes açorianos

- Publicidade -

A cachaça, uma das bebidas mais tradicionais e populares do Brasil, vem ganhando cada vez mais espaço em Santa Catarina. O estado produz, por ano, 6 milhões de litros. Uma das apostas do setor é a mudança tributária que reduz encargos para os pequenos produtores.

De olho nas exportações

No ano passado, foi sancionada pelo governo federal uma medida que inclui produtores artesanais de cachaça, cerveja e vinho no Simples Nacional, que reduz a carga tributária. A Rádio Marconi recebeu, na manha desta quarta-feira (19), os produtores de cachaça, Joelson Manoel Cardoso (cachaça Aretuza), Samuel Niero (cachaça Velho Pilho), Lucas Nesi (cachaça Imigrante). Ouça a entrevista concedida ao Geraldo Custódio, no Comando Marconi:

 

Dividimos em dois momentos para a melhor audição. Confira a sequência da entrevista:

 

A cachaça começou a ser produzida em Santa Catarina pelos imigrantes açorianos. Mas foram os poloneses, italianos e alemães que levaram a tradição para o interior.

COMPARTILHAR