PF faz operação em SC contra esquema para acobertar adulteração de pescados

PF foi a condomínio do Centro de Florianópolis (Foto: Naim Campos/RBS TV)

Polícia Federal (PF) deflagrou na manhã desta terça-feira (16) uma operação contra corrupção na superintendência do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) em Santa Catarina. Os policiais apuram um esquema envolvendo servidores que acobertavam a adulteração de pescados importados.

Segundo o delegado Thiago Giavarotti, da Polícia Federal em Itajaí, são cumpridos mandados em Balneário Camboriú, no Litoral Norte catarinense, Itajaí e Blumenau, no Vale, e Jaraguá do Sul, no Norte do estado. A PF ainda confirmou às 8h mandados em Florianópolis e São José, na Grande Florianópolis, e Navegantes, no Vale.

Ainda segundo a PF, as empresas envolvidas na fraude são suspeitas de colocar produtos químicos e água nos pescados para aumentar o peso, prática chamada de ‘oversoaking’. Os pescados são importados da China, das espécies panga, merluza e polaca do Alasca.

A PF expediu 20 mandados de busca e apreensão, 12 de busca pessoal e cinco de suspensão cautelar do exercício das funções públicas. Segundo a PF, dois servidores da direção do Mapa devem ser afastados. Ao todo, 16 pessoas devem ser indiciadas no esquema.

Fonte: G1/SC

Polícia Federal cumpriu mandados em Balneário Camboriú (Foto: Luiz Souza/RBS TV)
COMPARTILHAR