Delação da Odebrecht cita 415 políticos

As delações de executivos e ex-executivos da Odebrecht envolveram pelo menos 415 políticos de 26 dos 35 partidos legalmente registrados no Tribunal Superior Eleitoral (TSE). O PT lidera a lista com o maior número de filiados atingidos – ao todo, 93 petistas foram citados nos depoimentos. Eles são seguidos de perto pelos integrantes dos dois principais partidos que dão sustentação ao governo de Michel Temer: PSDB e PMDB. Cada um tem 77 membros citados pelos delatores.

Durante entrevista nesta segunda-feira (17), o cientista político, graduado em Ciências Sociais pela Universidade Regional de Blumenau, e mestrado em Sociologia Política pela Universidade Federal de Santa Catarina, Marcos Antônio Mattedi, relatou que o Brasil precisa de projetos e novas lideranças para virar a página. A solução, será complexa e lenta, ressalta.

Ouça:

 

 

 

COMPARTILHAR